Encontro peripatético refaz os passos dos modernistas em São Paulo; confira as demais atrações do fim de semana

Ninguém descreveu melhor São Paulo do que os modernistas, seja na ponta da caneta tinteiro ou com os pincéis. Que tal, então, refazer os passos destes artistas na ‘pauliceia desvairada’? A Rede de Museus-Casas Literários promove amanhã passeio que mostra relação dos modernistas com a cidade de São Paulo, aniversariante no próximo dia 25. Trata-se do tradicional Encontro Peripatético – baseado no conceito aristotélico de ‘ensinar passeando’ -, um roteiro que se propõe a resgatar a memória e a influência dos modernistas nas transformações ocorridas na cidade durante as primeiras décadas do século 20. O grupo visitará locais onde Oswald de Andrade, Mário de Andrade, Guilherme de Almeida, Tarsila do Amaral, Anita Malfatti e Menotti Del Picchia, entre outros, frequentaram e fizeram história. Um passeio pelos centros velho e novo de São Paulo, para viajar no tempo por meio de fatos, versos, construções, escândalos e poesia. O ponto de partida será na Casa Guilherme de Almeida e o grupo será liderado por Tereza Cristina Ferreira Batista, guia de turismo regional de São Paulo. Mais informações aqui.

Oficina de desenho

Também amanhã, o Museu de Arte Sacra promove a primeira aula, às 14h30, da oficina Desenhança: o Modernismo e a Autonomia do Desenho, que dá início às comemorações do centenário da Semana de Arte Moderna de São Paulo. Nele, o Núcleo de Ação Educativa vai explorar as possibilidades do desenho, como faziam os artistas modernistas. Dessa vez, inspirados no acervo e no prédio do Museu. A atividade é remota e também ocorrerá no próximo sábado, dia 29, e é livre para todas as idades. Os materiais necessários para as atividades são lápis e papel. Para se inscrever, entre no site.

Clube de leitura

Para quem quer começar a exercitar o ‘modernismo’ hoje, a Biblioteca de São Paulo promove, das 15h às 17h, clube de leitura que tem como tema o centenário da Semana de Arte Moderna de 1922. A obra escolhida para este mês é: Memórias sentimentais de João Miramar, de Oswald de Andrade. O evento é realizado em parceria Companhia das Letras e a mediação será feita pela equipe da biblioteca. A inscrição tem de ser feita aqui.

Veja também
+Programação